Outubro 20, 2014

Gustavo Limeira é paraibano.

Pratica as danças circulares desde 2004 e atua como focalizador desde 2005, tendo participado de eventos com diversos professores brasileiros e estrangeiros como William Valle, Cristina Bonnetti, Bruno Perel, Cristiana Menezes, Nanni Kloke, Pablo Scornik e Joyce Dijkstra.
No seu trabalho autoral, busca aliar a expressão da dança à outra grande paixão: a poesia.
É licenciando em Letras pela Universidade Federal da Paraíba na habilitação em Língua Inglesa.
Lançou em 2008 ‘Cheiro de Nova Estação’ (CBJE/RJ) e em 2012 ‘versorragia’ (FUNESC/PB), ambos de poesia.
Em 2011, estreou em Curitiba o primeiro módulo do workshop ‘Passos, Rimas, Abraços – Dança Circular e Poesia’, no qual alinha suas coreografias a textos de autores de variadas épocas e origens. O trabalho conta hoje com três módulos, sendo o terceiro ainda inédito. Gustavo também é músico; atua junto a banda-fôrra e A Troça Harmônica.
Para o Minas-Santos 2015, Gustavo trará danças que integram os três módulos de ‘Passos, Rimas, Abraços’.